sábado, 21 de janeiro de 2012

O Sexo dos Outros

Frutificai-vos e multiplicai-vos.
Nesta terra de Amores, neste Éden,
Nada mais justo que colher os frutos
Que pedem nossa carne e fantasia.

Sex Shop, Peep Show, com salas exclusivas.
Lady Gaga. Entrevista na Playboy.
Estupro pay per view no BBB.
Redtube, Sex and the City na TV.

Na véspera das núpcias, não contemos,
De nossa própria pele despojamos
Delírios ejetados no lençol.

No mercado pornô, há um jeito só:
Não consumo o que compro; pois é o sexo
Dos outros que virou mercadoria.

Um comentário:

Hugo Simões disse...

perfeita síntese da pornografia, libido endeusada do nada