domingo, 11 de outubro de 2009

Despertar no Leste

Eu acordo semi-afogado
Um punhado de terra a mais
Cada dia na campa cai
Eu acordo semi-afogado

Esses olhos semi-cerrados
São cantados em tantos ais
Oriente que não me sai
Esses olhos semi-cerrados

Morde os lábios semi-molhados
Que beijados por vezes mais
Salgados com mais de mil sais
Morde os lábios semi-molhados

Afogarei minha terra do peito
Despertarei esses olhos do leste
Morde esses lábios umedecidos
Oriente que não mais me sai
Esse oriente ensandecido
Um punhado de terra a mais

Um comentário:

Hugo Simões disse...

dá pra fazer uma ótima música!