quarta-feira, 22 de abril de 2009

Caximba

Estou no meio do nada

A dez quilômetros de tudo

Na margem sul da cidade

No lixo


Porém a mesma escuridão

Que nos esconde na linha turismo

Só a nós

Permite ver as estrelas